terça-feira, 24 de março de 2009

Há amizades que nunca se apagam...

... nem com a distância, nem com o mudar dos nossos mundos.

Há outras, porém, que se vão transformando em pequenas desilusões... Que se vão deteriorando, minando e que acabam num nada sem explicação. Comparo um pouco as amizades aos amores, primeiro a paixão mas depois só o verdadeiro amor resiste... Quando não existe compreensão, cedência,..., morre e não sobra NADA.

Hoje sinto-me cheia de NADA!

2 comentários:

Daniel Silva disse...

Às vezes é preciso o nada para que possamos vir a ter tudo.

Cheer up ;)

jinhos

ShopSu disse...

Este texto parece ter sido escrito por mim..hehe... Infelizmente é assim mesmo a vida... Bjs.